segunda-feira, 1 de março de 2010

O assentar de dois pontos

    Ponto primeiro: "Forrei" um caderno e ficou... bem, ficou forrado. Expandindo o conceito de forrado.
Deixo-vos com a imagem magnífica da coisa:

(É toda uma Mafaldinha envolvendo o meu caderno lindo, lindo que só ele. Ui!)

    Ponto segundo: Há coisa de duas semanas deslocámo-nos a Alpalhão com o objectivo de cravar bebida à Rita e à Joana festejar o carnaval. Tanto o facto oculto como o tido como real foram fracassados. Quer-se dizer, continuamos sem perceber se a Raquel estava mascarada ou não mas pronto, foram fracassados vá. Daí que, para vos mostrar, só tenhamos as duas belas imagens que se seguem:

O belo do tapete de arraiolos (ou não) de Alpalhão


E o bom do Budha, que se percebe que é um mimo, note-se.


    E pronto, pequerruxos, era isto. Agora, se me dão licença, vou ali ligar o radiador que já se me estão a empenar os ossos, coisas da idade... quando chegarem à minha vão perceber! :pp

3 comentários:

Dulce disse...

aiii god es tao kromo :P gostei do caderno ;) tau mas,..i as fotos lindas de mim?? ;) ahahh

Claudia disse...

mas desde quando é que tu forras cadernos?! eu pensava que era um post da raquel :P
tá bonito sim senhor
quanto à frase.. "quando chegarem à minha idade vão perceber" enfim, tu sabes! PARTIU-ME xD

OpálaSpirit disse...

Epá, gostei de caderno! muito muito giro! Não me queres forrar os meus não? A idade já n permite,é? Pois,tadinha! ;)
Kisses