quinta-feira, 20 de agosto de 2009

DEVERIA

IMAGEM:
Camisola de uns artilheiros passados
Ora assim num momento repentino, em que não se faz rigorosamente nada, vem-me à cabeça o blogue. E eis senão quando, ao reflectir sobre o nome do mesmo, reparo que, em bom português, este deveria ser "aqui DEVERIA haver batatas fritas". Deveria em vez de devia, para quem não percebeu.
Mas este aparente erro tem, obviamente, uma explicação, como tem aliás tudo o que parece menos correcto neste blogue. É verdade. E que explicação é essa? Foi de propósito. Isso e para não fugir à verdade, que foi logo um dos nossos princípios, porque nós somos boas moças e não dizemos mentiras!
Posto isto, recomponham-se aqueles que, até agora, se rebolavam no tapete mais próximo enquanto balbuciavam, por entre gargalhadas estridentes e mijinhas nas cuecas, "DEVIA? HAHAHAHAHHA AAAAAAAAHAHAHAHHA AHAHAH e anda esta parola a dizer que vai lá para as Comunicações... nem utilizar correctamente os termos verbais sabe!".
Já se se estão a rebolar, com a mesma frase, a propósito de uma tal de camisola de uns artilheiros passados, alego, em minha defesa, que não fui eu que mandei fazer e que só li aquilo, com olhos de quem agora tem a mania que percebe de português, ontem.

3 comentários:

Dulce disse...

Pois foi... mas ocmo ja sabiamo so que la estava axo k nem lemos a camisola :S looL

Cláudia disse...

a culpa do "devia" não é minha!! não tenho nada a ver com isso xD

Diana disse...

Dulce, caréde melhére! Andas a falar 'stringêr! Mas acho que percebi ;p

Claro que não Cláudia. Aliás, tu só apareceste aqui aqui há dias como poderias ter? Nunca. ;pp